Menu

Lixões de Poço Redondo e Estância são desinterditados emergencialmente pela Adema

Os lixões dos municípios de Poço Redondo e Estância foram desinterditados pela Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) neste sábado (9). Os locais haviam sido impedidos de funcionar esta semana, por não estarem obedecendo às políticas nacionais do Meio Ambiente e de Resíduos Sólidos.

De acordo com a Adema, a desinterdição ocorreu de forma emergencial, porque os municípios não tinham onde armazenar o lixo recolhido pelas coletas.

A interdição desses lixões, além de outro localizado em Canindé do São Francisco, foi feita por equipes da Adema e da 5º Etapa da Fiscalização Preventiva Integrada da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco em Sergipe (FPI/SE).

Fiscalização Preventiva Integrada

A FPI é composta por 20 órgãos federais, 13 órgãos estaduais e duas instituições da sociedade civil organizada, além de profissionais colaboradores de diversas áreas do conhecimento, promovendo ações de defesa do Rio São Francisco, em Sergipe. Este ano, os técnicos estão divididos nas equipes de saneamento, gestão ambiental; espeleologia, arqueologia e paleontologia; aquática; fauna; patrimônio cultural e comunidades tradicionais; agrotóxicos; abate; e instituições parceiras.

O trabalho consiste em ações educativas e quando for detectado o não atendimento às exigências legais ambientais, serão adotadas medidas administrativas, extrajudiciais ou judiciais cabíveis no âmbito cível e criminal.

Por G1 SE— Foto: Adema/Divulgação

Related Posts

LEAVE A COMMENT