Menu

“Não vou entrar para fazer figuração”, informa Georlize Teles, pré-candidata do DEM a prefeita em Aracaju

Georlize promete colocar seu nome em campo e ir em casa em casa dizer porque quer ser prefeita

Uma das primeiras delegadas mulheres de Sergipe, primeira mulher secretária de Estado da Segurança Pública, primeira mulher secretária de Estado da Justiça em Sergipe, Georlize Teles está disposta a encarar mais um pioneirismo em sua vida: ser a primeira prefeita eleita de Aracaju.

Ela já chega nessa corrida eleitoral de 2020 dando o seu recado: “Tenha certa que, entrando na disputa, eu não vou entrar para fazer figuração. Perder ou ganhar é do jogo. É da disputa. Mas eu vou entrar para disputar. Já a vitória depende do povo”, diz.

Atual secretária da Defesa Social de Estância, Georlize aceitou o desafio de disputar à Prefeitura de Aracaju, após reunião com o DEM nesta semana. “Primeiro, eu queria ouvir todos do partido. Não podia ser só uma decisão minha e de doutor Machado. Conversamos muito às claras, num diálogo muito franco e direito, onde ouviram e aceitaram as minhas ponderações, tudo aquilo que acho importante”, informa.

À Coluna Aparte, a delegada esclareceu suas ponderações. “Na minha vida, nada é secreto e foi exatamente isso que coloquei. Sou uma pessoa que sempre teve posições muito definidas. Não é que eu não ouça os outros. Pelo contrário. Tudo que fiz foi sempre de modo coletivo. Mas é que penso com a minha cabeça. Preciso ser uma candidata que tenha pensamento próprio. Não sou uma pessoa teleguiada. Não sou uma pessoa é que morna nas decisões. Ou sou quente ou sou fria”, afirma.

Georlize diz que nunca havia imaginado na vida um dia ser candidata a um cargo de tamanha relevância, como o de prefeita de uma Capital. “Quando vim morar em Sergipe, 40 anos atrás, eu queria fazer apenas o meu curso de Direito. Através dele, eu teria fala própria, o meu espaço, sem depender de ninguém e respeitando a todos. Mas me formei e passei no concurso. Nunca pensei em ser delegada, nem secretária de Segurança e de Justiça. De ocupar esses cargos que são tidos de indicação política”, relata.

A delegada nunca teve ligação direta com a política. Sua única eleição foi em 2004, quando se candidatou a vereadora por Aracaju – sendo bem votada -, mas não foi eleita por conta de legenda. “Quem me levou para a política foi o meu lado técnico e profissional. Isso não tenho dúvida. Fiz um percurso não muito comum. Venho para a política depois de ocupar alguns cargos de gestão. Inclusive, pensei que pararia por aí”, afirma.

Quando o DEM começou a cogitar o nome de Georlize como candidata, ela recebeu uma série de incentivos. “Uns seis meses atrás, doutor machado lança essa história. Eu pensei: “ah, é irreal, é brincadeira”. Mas houveram alguns desdobramentos. Pessoas começaram a me ligar, do povo e da política, enfim, de vários segmentos. Começaram a dizer: “Georlize, você tem um trabalho, todos conhecem o seu perfil, tem um nome que Aracaju conhece e reconhece como comprometida”. Desde nova tenho esse comprometimento. Aos 16 anos, somei-me a um trabalho da igreja católica e ia onde hoje é Santa Maria para fazer um trabalho de militância e compromisso social”, relata.

Mesmo com todo um currículo profissional e com o incentivo da população, Georlize sabe que uma vitória nesta eleição não é nada fácil, diante dos outros nomes já expostos como pré-candidatos.

“Reconheço no atual prefeito um fortíssimo candidato. Ele é o prefeito do momento, que pode mostrar ações. Márcio Macêdo tem o PT e todos sabem que a militância do partido é forte e aguerrida. E todos os outros são fortes também devido ao trabalho que desenvolvem em suas áreas. Mas é o povo que vai escolher. Estou preocupada apenas em mostrar porque quero ser candidata e prefeita.  Vou para frente. Vou para cada casa de Aracaju”, afirma Georlize Teles.

Fonte: JLPOLITICA

Author

Lavar

Lavar

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, texercittion ullamco laboris nisi ut aliquip

Related Posts

LEAVE A COMMENT

Make sure you enter the(*) required information where indicated. HTML code is not allowed

Theme Settings