Sergipe Repórter

Abatedouro que funcionava ilegalmente é fechado em Lagarto. Dois porcos eram abatidos no local

A Adema encaminhou a carne suína para alimentação dos animais do Parque da Cidade, em Aracaju.

Uma ação conjunta das Polícias Civil e Militar, com o apoio da Adema resultou no fechamento de um abatedouro que funcionava ilegalmente no povoado Colônia 13, em Lagarto. No local, dois porcos eram abatidos e a carne foi apreendida.

A ocorrência foi registrada na sexta-feira, 27, após uma denúncia que os policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar receberam.

“Na ocasião, a equipe da PM se dirigiu até o local, onde encontrou dois porcos recém-abatidos e limpos num imóvel que funcionava ilegalmente como abatedouro. Eles foram apreendidos e entregues à Delegacia Regional de Lagarto, onde a polícia iniciou investigações acerca da destinação dos animais”, informou a Secretaria da Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE).

Foram solicitados pela Polícia Civil, sob o comando do delegado Felipe Andrade, exames periciais para comprovar a não adequalibidade do local para a prática do abate de animais.

A Adema encaminhou a carne suína apreendida para alimentação dos animais do Parque da Cidade, em Aracaju.

O dono do abatedouro onde os animais estavam vai responder pelo delito de infração de medida sanitária preventiva.

Related Articles

Abra aqui
Posso ajudar?