Sergipe Repórter

Com ajuda da polícia sergipana, acusado de liderar facção criminosa é encontrado e morre em confronto

Um homem identificado como Luiz Carlos Santana Brito, mais conhecido como Novinho, foi localizado e morreu em confronto com a polícia da Bahia. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE). A ação foi consumada por uma equipe da CIPE Nordeste, unidade especializada da Bahia.

Investigações iniciadas pela Delegacia de Poço Verde apontaram pra existência de uma organização criminosa denominada “Família Colômbia” presente nos municípios sergipanos e baianos agindo na prática de diversos delitos como tráfico de drogas e roubos, bem como a prática de justiçamentos. Foi identificado como sendo líder da organização Luiz Brito, o qual gerenciava o grupo de dentro do presídio de Paulo Afonso/BA onde cumpria pena.

Uma semana após desencadeada a operação família Colômbia no município de Poço Verde, no último dia 20 de abril, Luiz Brito e mais outros dois detentos conseguiram fugir do presídio.

A partir de então, as forças policiais sergipana da Delegacia de Poço Verde, Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) e a PMSE passaram a monitorar a situação a fim de recapturar e evitar que novos delitos fossem praticados por Novinho. 

Após troca de informações com equipes da Delegacia de Ribeira do Pombal/BA e Fátima/BA, SOINT, 5°BPM de Euclides da Cunha/BA, uma equipe da CIPE Nordeste, com informações oriundas da Dipol, localizou Luiz Carlos na Cidade de Ribeira do Pombal/BA, onde o mesmo reagiu à abordagem policial, que tentava recapturá-lo, com disparos de arma de fogo. No revide foi atingido, não resistindo aos ferimentos e vindo a óbito após ser socorrido ao hospital local.

Com informações da SSP/SE

PorFanF1

Related Articles

Posso ajudar?