Com restrições, bares e restaurantes cancelam festas de Réveillon

Com restrições, bares e restaurantes cancelam festas de Réveillon

Alguns bares e restaurantes de Aracaju estão anunciando o cancelamento das festas de Réveillon devido às restrições impostas pelo Governo do Estado no dia 18 de dezembro para o combate à Covid-19.

A redução da capacidade total para 50% é um dos principais fatores que está motivando o cancelamento das comemorações.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Sergipe (Abrasel-SE), Bruno Dória, com a aplicação das últimas medidas restritivas, a realização das festas de Réveillon não seria proveitosa para os donos de bares e restaurantes. “É uma festa cara e realmente a opção que se torna mais viável é cancelar”, declara. “Sabemos que a pandemia é uma mazela, então, as medidas restritivas precisam ser cumpridas”, completa.

Ainda de acordo com Bruno Dória, os donos destes estabelecimentos não serão prejudicados. “Réveillon é uma festa que dá trabalho para montar, já que precisa organizar a segurança, música e comidas. Os trabalhadores da área, nesse momento de pandemia, estão mais preocupados em garantir o básico, então, no quesito financeiro, ninguém será prejudicado ao cancelar o evento”, explica.

A divulgação das festas de ano novo realizada pelos estabelecimentos partiu da ideia de que a capacidade total não sofreria redução, porém, mesmo sendo uma decisão por conta própria dos donos, o presidente indica a não realização do evento. “Mesmo a decisão partindo de cada um de realizar ou não a festa, o ideal é não arriscar”, comenta.

Medidas de restrição

As novas medidas restritivas foram aplicadas pelo Governo do Estado no dia 15 de dezembro com o objetivo de impedir o avanço do contágio da Covid-19 em Sergipe no período de festas de fim de ano. As medidas entraram em vigor no dia 18 de dezembro. 

A ocupação de bares, restaurantes, lanchonetes foi reduzida para 50% da capacidade total. No caso de eventos, a limitação é de 100 pessoas em locais fechados, independente do tamanho do espaço, e 150 pessoas em locais abertos.

Desde então, bares, hotéis, restaurantes e casas de show, a exemplo do Prainha Bar, Duna Beach Bar, Paisano e Vidam Hotel, todos em Aracaju, anunciaram o cancelamento destes eventos. Vale ressaltar que os locais que ainda permanecem com a realização do evento devem seguir as medidas restritivas decretadas.

Por Isabella Vieira e Verlane Estácio I Portal Infonet I Foto: Divulgação

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by