Sergipe Repórter

Concurso do Melhor Barco de Fogo leva multidão para o forrodromo em Estância. Festejos juninos segue até dia 29

Foi uma noite insquecivel, noite que todos todas as atenções estavam voltadas para o Concurso do Melhor Barco de Fogo em Estância. Noite iluminada e bem concorrida.

O Concurso do Barco de Fogo é uma unanimidade em Estância. Exaltando esse momento especial a Secretaria Municipal da Cultura e Turismo Lidiane Nobre fala da expectativa pela realização do concurso do Barco de Fogo.

“Esta é uma noite espetácular, diferenciada e de muitas expectativas para estancianos e turistas que lotaram a arquibanca do forrodromo Rogério Cardozo, é um momento impar, momento em estão consetrados os melhores fogueteiros de Estância para concorrer a mais iluminada noite de São João” Disse Lidiane Nobre, Secretária Municipal de Cultura e Turismo.

Impressionou

O Concurso do Barco de Fogo impressionou a todos por tamanho, decoração, criatividade e pirotécnia. Uma das 7 maravilhas do municipio de Estância é tão importante que tem espaço próprio para seu desfile e até arquibancada. A cada barco, celulares ligados, filmando, fotografando e ao mesmo tempo enviando imagens para todo o Mundo por meio da imprensa televisa, jornais digitais e a população.

No concurso o barco tem que ir e voltar sobre um arame em um percurso de 300m. Se o barco não fazer esse trajeto infelizmente é eliminado da competição.

E no concurso é assim, o fogueteiro tem que caprichar na alegoria. Afinal, o barco de fogo é símbolo cultural de Estância confeccionado em detalhes pelos protagonistas da festa.

O vencedor do concurso foi o fogueteiro Maicon Batista que conquistou o titulo pela terceira vez.

No intervalo entre um barco e outro a batucada Buscapé fazia suas apresentações e o locutor oficial entrevistava turistas do Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e de outros estados brasileiros. O slogan deste ano caiu bem “uma tradição que não se paga”, pois é, a cultura do forró, dos shows piroténicos, da famosa batalha de buscapés, espadas de fogo entre outras apresentações inclusive folclóricas, Estância tem tradição de decádas.

Nasci em 1979 aqui em Estância e na decáda de oitenta a liberdade de soltura de fogos era maior, as batalhas eram nas ruas, em qualquer beco, tinha barco de fogo praticamente em todos os bairros e não faltava buscapés, eram batalhas que viravam a noite. Com o passar do tempo e já entrando na era moderna, a cidade cresceu, pessoas de outros municipios e estados começaram a morar aqui, novas edificações arrojada fizeram com que um acordo entre Ministério Público e órgãos públicos municipais limitassem algumas áreas para a soltura desses fogos de artificios como a Avenida Getúlio Vargas (antiga rua Nova) que pela TAC – Termo de Ajuste de Conduta está liberado para a batalha com limitações e somente no dia 13, que se comemora o dia de Santo Antônio. Já no buscapézodromo qualquer noite que marca o ciclo de 30 dias de festejos juninos em Estância pode-se soltar fogos. A área é exclusiva apenas para esse tipo de prática cultural.

As espadas de fogos que são apresentadas todas as noites na Praça Barão do Rio Branco também são liberadas apenas pela comissão organizadora do evento e são orientadas como manuseiar. Em frente a Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira da cidade é que são apresentados os barcos de fogos e espadas pelos fogueteiros. Enquanto o barco desliza no arame, o bom trio pé de serra faz apresentação no Arraiá Zé Dinato e tem também as comidas tipicas da época, as quadrilhas juninas, reisados, samba de coco e shows artisticos com bandas locais e regionais.

Segurança

Durante as festas de São João a Vila do Forró, construida no período junino sobre a Praça Barão do Rio Branco há policiamento, Guarda Municipal, Bombeiros Civis e ambulância. Nos dias 31 de maio e 23 de junho são as noites que atraem mais turistas no forrodromo com atrações Nacionais. Na Salva Junina foi tanta gente, congestionamento para chegar que teve muita gente que perdeu até o show do comandante Xand Avões.

Ainda da para curtir as emoções dos festejos juninos de Estância, dias 27, 28 e 29 na Vila do Forró.

Estância, forró e folia: Uma tradição que não se apaga!

Related Articles

Posso ajudar?