Confiança é derrotado por 1 a 0 para o Guarani, no Brinco de Ouro

Confiança é derrotado por 1 a 0 para o Guarani, no Brinco de Ouro
Em noite pouco criativa, Dragão perde a terceira partida seguida na Série B

O Confiança perdeu o terceiro jogo seguido na Série B do Campeonato Brasileiro. A vitória do Guarani por 1 a 0 foi construída no bom primeiro tempo do time paulista. A partida no Brinco de Ouro, válida pela 29ª rodada da competição, levou o Bugre à 8ª posição com 43 pontos. O Confiança fica na 11ª posição, com 39 pontos.

A noite não foi das melhores para o time sergipano, que cometeu erros desde a escalação da equipe. O time não conseguiu desempenhar o bom futebol de outrora e foi presa fácil para o Bugre no primeiro tempo, que foi todo do Guarani. Bem postado e com o sistema defensivo funcionando muito bem, o time paulista agrediu o Confiança e chegou ao único gol da partida após cobrança de pênalti. Na segunda etapa, o Bugre assistiu o Confiança tentar criar lances ofensivos para, ao menos, empatar o jogo, mas se garantiu em suas linhas defensivas bem postadas e saiu vitorioso.

Análise

Os primeiros minutos de jogo foram fulminantes, com muita energia dispersada, mas cheio de erros de passe, o que deixava o jogo truncado no meio de campo. O primeiro lance de perigo de gol aconteceu aos nove minutos, com Pablo, após lindo passe de Rangel. Mas, o atacante desperdiçou o lance cara-a-cara com Rafael Santos.

Apesar da fraca apresentação técnica dos times em campo, era o Guarani, quando conseguia chegar no ataque, que se mostrava mais perigoso no jogo. E aos 23 minutos, o árbitro marcou uma penalidade em cima do atacante Pablo, cometido pelo lateral esquerdo Silva, que chegou atrasado no lance. Na cobrança, Murilo Rangel soltou o pé e não deu chances de defesa para Rafael Santos.

Com uma escalação totalmente diferente do que vinha jogando, o Confiança estava mais recuado do que o normal e sem a qualidade no meio de campo, setor característico do time nas transições entre defesa e ataque nas últimas partidas. Diferentemente disso, a posse de bola do time azulino era perdida com facilidade e abria espaço para lances perigosos do Bugre.

Já na parte final da primeira etapa, o Guarani passou a recuar suas linhas e cedeu espaço para os jogadores do time sergipano, que trocaram passes com maior frequência na partida. Aos 43 minutos, saiu o primeiro lance de perigo de gol do Confiança. Após cruzamento do lateral direito Ennes, Renan Gorne subiu mais que a defesa, cabeceou com força, mas Gabriel Mesquita segurou a bola sem dar rebotes. Pouco depois do lance, o jogo foi para o intervalo.

Em sua volta, o Guarani indicou que faria um jogo na mesma pegada do primeiro tempo e começou assustando com chute frontal de Lucas Crispim. A resposta veio rápida. Aos sete minutos Everton costurou a defesa paulista e assustou, mas conquistou um escanteio. Na cobrança, Mancini quase marcou de cabeça.

O segundo tempo seria todo do Confiança, que tomou gosto pelo ataque e começou a atender o pedido de Daniel Paulista no intervalo: atacar mais. Aos 13 minutos, Castilho arriscou de fora da área e exigiu boa defesa de Gabriel Mesquita.

A boa troca de passes fez o Confiança começava a dar resultado e o time passava a apresentar o seu futebol característico. Mas, a defesa bem postada do Bugre seguia dificultando o avanço ofensivo das jogadas e os arremates a gols.

O Dragão do bairro Industrial seguiu fazendo fumaça em campo, mas sem qualquer possibilidade de empatar o jogo. A escassez nas finalizações, não dava esperanças de um empate dentro do tempo regulamentar.

Já nos minutos finais, o desespero e a pressão por um resultado diferente da derrota fez o Confiança se desfigurar mais ainda e já sem um padrão tático e organização, levava mais sustos em contra-ataques do time de Campinas, que jogava recuado, esperando o tempo passar. E foi o que realmente aconteceu, aos 51 minutos, o árbitro acabou a partida para sacramentar mais uma derrota do time sergipano.

Próxima partida

O Confiança já volta a campo no próximo sábado (19), o time azulino enfrenta a Ponte Preta na Arena Batistão, às 19 horas. Já o Guarani só entra em campo no domingo (20). Jogando novamente no Brinco de Ouro, o Bugre enfretará o Figueirense, às 18h15.

Ficha técnica

Guarani
Escalação: 
Gabriel Mesquita, Cristóvam, Wálber, Marcelo e Bidu; Bruno Silva, Lucas Crispim (Romércio), Murilo Rangel (Rickson) e Pablo (Matheus Souza); Renanzinho (Eliel) e Bruno Sávio (Rafael Costa). T.: Felipe Conceição

Gol: Murilo Rangel 24’ | 1T
Cartão amarelo: Felipe Conceição (técnico), Bidu, Rickson

Confiança
Escalação:
 Rafael Santos, Thiago Ennes, Nirley (Bruno Paraíba), Luan, Matheus Mancini e Silva; Serginho, Guilherme Castilho, Everton (Iago); Reis e Renan Gorne (Ari Moura). T.: Daniel Paulista

Cartão amarelo: Guilherme Castilho, Serginho (fora da próxima partida)

Por Saullo Hipolito I Portal F5 NEWS I Foto: Thomaz Marostegan/ Guarani FC

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by