Sergipe Repórter

Funcionários da Caixa suspendem paralisação

A plenária da Federação dos Bancários de Sergipe e da Bahia decidiu suspender a paralisação de 24 horas na Caixa Econômica, marcada para esta terça-feira (27). As entidades farão atos garantindo os protocolos e cuidados relativos à pandemia da Covid-19.

A maioria votou pela transformação da data em Dia de Protestos, com paralisações parciais e manter o Estado de Greve. Até o final de semana, a Feebbase convocará uma nova plenária para avaliar os protestos e decidir sobre novas estratégias do movimento.

A mobilização da categoria é contra a abertura de capital da Caixa Seguridade; pela contratação dos aprovados no concurso de 2014 para amenizar o déficit de cerca de 20 mil empregados a menos na empresa; maior proteção contra a Covid-19 nas agências, com a inclusão dos que atuam na linha de frente no grupo prioritário do Plano de Vacinação e pelo pagamento integral da PLR Social.

O Sindicato dos Bancários de Sergipe informou que a plenária online foi representativa com mais de 500 participantes. No processo de votação, votaram apenas os funcionários e funcionárias da ativa da Caixa. Dos 305 votantes, a proposta vencedora Transformar o Dia 27.04 em Dia do Basta, com paralisações parciais e protestos, obteve 217 votos; a proposta Pela Manutenção de Greve de 24h obteve 75 votos. As abstenções foram 13 votos.

Atos em Sergipe e na Bahia

Do Sindicato dos Bancários de Sergipe (SEEBSE), a presidenta da entidade Ivânia Pereira está convocando os dirigentes e delegados sindicais para realizar um protesto nesta terça-feira (27), às 7h da manhã, em frente à agência Serigy, localizada no Calçadão João Pessoa, Centro de Aracaju. Já na Bahia, o presidente do SEEB/BA, Augusto Vasconcelos, anunciou que a entidade fará um ato na cidade de Salvador, em frente à agência da Avenida Mercês.

Fonte: Sindicato dos Bancários de Sergipe

Related Articles

Abra aqui
Posso ajudar?