Morre, aos 91 anos, o cantor Josa, o Vaqueiro do Sertão

Morre, aos 91 anos, o cantor Josa, o Vaqueiro do Sertão

Morreu nesta terça-feira (9), em Aracaju, aos 91 anos, o forrozeiro Josa, conhecido como o Vaqueiro do Sertão. A informação foi confirmada pela família do artista.

Josa já havia sofrido um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e tinha alzheimer há alguns anos. Ele faleceu em casa.

O corpo do artista será velado na Rua Laranjeiras, 1681, na capital sergipana. A partir das 8h, desta quarta-feira (11), um cortejo vai acompanhar o corpo até a cidade de Areia Branca e em seguida segue para Simão Dias, onde será sepultado às 11h. A alteração do horário de sepultado se deu, de acordo com a família, para que possa haver tempo para que fãs, amigos e parentes possam se despedir.

Carreira

José Grigório Ribeiro nasceu em Simão Dias e se tornou um vaqueiro muito famoso na região devido à habilidade na arte de amansar animais. Ele também foi vendedor de frutas na feira da cidade, militar e costureiro. Mas foi a arte de compor, cantar e tocar sanfona que projetou Josa para o universo artístico e o transformou em um dos principais nomes da cultura sergipana. Com mais de 50 anos de carreira e mais de 300 composições registradas.

Em março de 2019, o artista foi homenageado com um lançamento de um documentário sobre a sua carreira. A produção cinematográfica registra a memória do sanfoneiro e foi resultado de 20 anos de pesquisa.

Josa é natural da cidade de Simão Dias (SE) — Foto: Reprodução/Documentário/Arquivo

Josa é natural da cidade de Simão Dias (SE) — Foto: Reprodução/Documentário/Arquivo

Por G1 SE — Foto: Reprodução/Documentário/Arquivo

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by