Sergipe Repórter

Motorista de aplicativo é feito refém durante 1 hora e cooptado para a prática de assaltos

Na noite desta quarta-feira, 9, um motorista de aplicativo viveu momentos de terror durante uma corrida na região metropolitana de Aracaju. Ele foi feito refém durante 1 hora e ficou sob a mira de um revólver. Durante a ação criminosa, o profissional ,foi cooptado, contra a sua vontade, para a prática de assaltos.

De acordo com a Polícia Militar (PM), era por volta das 21h30 quando a vítima recebeu uma solicitação de corrida no bairro Jardim Centenário, na Zona Norte de Aracaju. Ao chegar ao local, três homens, que se passavam por passageiros, entraram no veículo com destino ao bairro Siqueira Campos, na Zona Oeste. Durante a viagem, o trio anunciou o assalto e passou a praticar uma série de roubos a pessoas que passavam pelas ruas. Elas tiveram aparelhos celulares subtraídos.

Ainda segundo a PM, a vítima foi mantida refém durante 1 hora. Após os roubos, o trio se deslocou até a avenida Lauro Porto, na divisa entre Aracaju e Nossa Senhora do Socorro, onde libertou o motorista de aplicativo. O veículo, um HB20, foi abandonado a alguns metros. Os suspeitos estão foragidos.

A polícia investiga o caso.

Por Fan F1

Related Articles

Posso ajudar?