Pesquisa mostra Padre Inaldo liderando intenções de voto espontânea e induzida em Socorro

Pesquisa mostra Padre Inaldo liderando intenções de voto espontânea e induzida em Socorro

O Instituto de Pesquisas Sociais e Estatísticas – Ipese – divulgou resultado de pesquisa de intenção de votos para a Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro, segundo o qual o atual prefeito da cidade, Padre Inaldo Luis da Silva, Progressistas, em primeiro mandato e com direito à reeleição, aparece liderando a preferência dos socorrenses tanto na avaliação espontânea quanto na estimulada – na primeira modalidade, pergunta-se em quem o eleitor entrevistado gostaria de votar nas eleições deste ano, sem mostrar nome algum de pré-candidatos.

Na segunda, a mostra-se uma lista deles.

Em relação à pergunta espontânea, o atual prefeito Padre Inaldo pontua com 17% das intenções de votos, bem acima do segundo lugar, que é o ex-prefeito e deputado federal Fábio Henrique, PDT, que vem com 11,8%. Os analistas admitem um bom grau de importância ao desempenho espontâneo, porque os nomes que pontuam bem nessa modalidade estariam cristalizados no imaginário dos entrevistados.

Em terceiro lugar, ainda na pergunta espontânea, desponta o pré-candidato deputado estadual Samuel Carvalho, Cidadania, com 7,9%, e em quarto, o ex-prefeito Zé Franco, DEM, com 6,4%. Além deles, também pontuaram na pesquisa do Ipese a pré-candidata Eliana da Sopa, PSL, com 1,6%, seguido por Kleverton Siqueira, PT, que foi lembrado por apenas 0,6%, e a atual presidente da Câmara de Vereadores de Socorro, Maria da Taiçoca, com 0,1%.

Ff5f98a06424477bFábio Henrique: segundo na intenção espontânea

Mas também na aplicação da pesquisa estimulada a liderança da preferência recai sobre o atual prefeito Inaldo: ele seria reeleito com um percentual de 20,5% se as eleições fossem realizadas nos dias 12 e 13 de agosto, datas em que o Ipese aplicou seus questionários em campo em Socorro.

Já os outros pré-candidatos, com nomes já divulgados, Fábio Henrique, Samuel Carvalho, Zé Franco, Eliana da Sopa e Kleverton Siqueira, pontuaram, respectivamente, com 17,5%, 13,1%, 10,7%, 2,1% e 1,5% cada. O Ipese não mostrou em seu relatório pergunta sobre rejeição aos pré-candidatos.

Além da intenção de votos para o mandato de prefeito, a pesquisa mediu também o grau de satisfação da população em morar em Nossa Senhora do Socorro.

De acordo com os dados, 75,5% dos entrevistados disseram sentir-se orgulhosos de viver na cidade de
Socorro – o que não é nada ruim para quem há menos de duas décadas era tida como um cidade-dormitório.

F58ee396aaecedc9Samuel Carvalho vem em terceiro, com 7,9%

O Ipese entrevistou 674 eleitores socorrenses entre os 109.118 que compõem o efetivo de votantes, levando em conta as zonas urbana e rural, e considerando a proporção populacional por sexo, faixa etária de interesse de 16 a 17 anos, de 18 a 24 anos, de 25 a 34 anos, de 35 a 44 anos, de 45 a 59 anos, acima de 60 anos, e por área física, nível econômico e grau de instrução.

A pesquisa tem uma margem de erro máximo admissível de 3,8%, o que coloca o pré-candidato Inaldo bem acima dela perante o pré-candidato Fábio Henrique na questão espontânea – são 17% de intenção dele contra 11,8% do oponente. Ou seja, 6,2% a mais. Ela foi contratada pelo próprio Ipese e tem Marcos Flaviano Matos Soares como o estatístico responsável.

Segundo o Ipese, intervalo de confiança estimado dessa sondagem é de 95%. A pesquisa tem registro de identificação de número 01581/2020 junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe desde o dia 17 de agosto e tem data autorizada para divulgação neste dia 23.

A sondagem do Instituto de Pesquisas Sociais e Estatísticas mostrou um dado curioso dos socorrenses frente às eleições deste ano: 71% dos entrevistados disseram que estão dispostos a ir às urnas mesmo sob a pandemia do coronavírus, contra apenas 7% que disseram que não iriam. Outros 21% disseram que não sabem qual será a posição no dia 15 de novembro e que deixarão para decidir isso mais perto do pleito.

FONTE EXCLUSIVA: JL POLITICA

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by