Sergipe Repórter

PRF detém duas pessoas alcoolizadas após resistência à prisão

Em ocorrências distintas, registradas no final da tarde e noite do domingo, 13, policiais rodoviários federais detiveram duas pessoas alcoolizadas que resistiram à prisão. Os flagrantes aconteceram respectivamente no km 9 da BR-235 e km 198 da BR-101.

Em Cristinápolis, uma equipe PRF deu ordem de parada ao condutor de uma moto Honda/CG 160 FAN, com placa de Sergipe, que conduzia sem capacete de segurança. O homem caiu da motocicleta ao tentar fugir da fiscalização, sendo socorrido pelos policiais. Ele apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste com etilômetro. Consulta digital revelou que o motociclista era inabilitado.

Como estava muito alterado, ele precisou ser contido pelos policiais, e mesmo algemado, tentou novamente fugir. Após ser conduzido a uma Unidade Operacional da PRF, o motociclista encontrou pais e amigos. Mais calmo, decidiu fazer o exame de alcoolemia, que resultou o teor considerado de 0,65 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Ele foi detido por embriaguez ao volante e resistência à prisão.

Outra ocorrência envolvendo resistência à prisão foi registrada mais cedo em Nossa Senhora do Socorro, após a abordagem de um veículo GM/ZAFIRA com placas de Sergipe, que apresentava irregularidades no licenciamento. Ao saber que os policiais adotariam as medidas administrativas cabíveis, o esposo da condutora, que seguia como passageiro e estava visivelmente sob efeito de álcool, ficou bastante nervoso, gritando e dirigindo palavras de baixo calão para a equipe PRF. O homem, que continuou com as ofensas mesmo depois de ser advertido, tentou fugir e foi contido, sendo detido também pelo crime de desacato.

Fonte: PRF/SE

Related Articles

Abra aqui
Posso ajudar?