Menu

Olímpico e Socorrense empatam na primeira partida da decisão.

Tarde de calor forte na Cidade de Itabaianinha, mas a torcida não quis nem saber.

As arquibancadas do Estádio Souzão logo foram tomadas pelos quase mil apaixonados pelo Olímpico de Itabaianinha que entraram no clima do jogo e a todo momento impulsionaram sua equipe para o ataque.

Antes da festa começar o Estanciano sub-20 que estreia na próxima sexta (17) contra o Sampaio Correia pela Copa do Nordeste no Estádio Francão em Estância a garotada enfrentou a base do Olímpico de Itabaianinha e golearam a equipe de casa por 4 x 0 na preliminar.

CONFIRA AS FOTOS AQUI

 

Olímpico x Socorrense

 

O Olímpico entrou fazendo a festa, trouxe a criançada para acompanhar os jogadores, faixas, agradecimentos a torcida e aos parceiros e em seguida todos cantaram o Hino Nacional Brasileiro.

Cada lance de advertência ou de chute ao gol ouvia-se o grito de uuuuuuuuuuuu. Aquele quase gol, aquela falta interpretada pelo torcedor de forma contrária a arbitragem, aquele cartão amarelo e tudo era motivo de alegria.

Fora das quatro linhas até uma banda animou a torcida com sorteio de brindes, churrasquinho e muita água para hidratar.

O Olímpico de Itabaianinha começou bem e a dupla Capela e Fabinho Cambalhota estava entrosada, mas o quase gol aconteceu ainda no primeiro tempo em uma enfiada de bola pela esquerda de Capela para Fabinho que fez de tudo para alcançar a bola e sem goleiro o uuuuuuuuuuu da torcida quase ajudou, mas a bola se perdeu pela linha de fundo.

Os dois tempos de jogo a posse de bola foi mais para a equipe de casa. O Olímpico e Socorrense empataram em 0 a 0 pela primeira partida da decisão do Campeonato Sergipano da Segunda Divisão.

O jogo de volta acontece no próximo domingo (19), no estádio Wellington Elias, na cidade de Socorro. Quem vencer levanta a taça, mas se houver um novo empate, o campeão será conhecido, através de cobranças de penalidades máximas.

Os dois clubes já estão garantidos para a primeira divisão, que começa no dia 13 de janeiro e termina no dia sete de abril. Olímpico e Socorrense lutam para permanecer na divisão de elite do futebol sergipano, mas não descartam de almejar coisas melhores.

Falando em almejar algo lá na frente todos sabem que o único representante da região Sul de Sergipe também sonha em chegar a Copa do Brasil, Campeonato do Nordeste a exemplo do Estanciano que atualmente está na segunda divisão.

Atualmente o Olímpico de Itabaianinha é incentivado pelo desportista Valdevan Noventa, conhecido também na região pela marca do esporte por incentivar não só o esporte amador como o profissional. Essa tradição de ajudar o esporte na região já vem de muitos anos a exemplo das equipes do Boca Júnior, Botafogo de Cristinápolis e do Estanciano, time que representa a cidade em que Noventa nasceu.

Para Leão da Comissão técnica do Olímpico a semente que todos plantaram hoje colhem bons frutos: “A luta foi grande para conquistarmos o acesso e graças a Deus, aos nossos parceiros tem dado certo esse novo projeto, primeiro foi alvejar a classificação e agora vamos tentar a cereja do bolo para que possamos conquistar o campeonato da segunda divisão e sobre o que vai acontecer após a decisão do campeonato a gente na verdade já estamos conversando com alguns atletas para que posamos já trabalhar a primeira divisão”. Comentou Leão.

Já o treinador Givanildo Sales falou da importância de tudo isso e no vestuário lembrou aos jogadores dos segredos para se conquistar um título: “A gente estava lembrando a eles que construímos esse acesso e temos que trabalhar agora para coroar a nossa equipe com o título de campeão, e lembrando que ainda não acabou e que decisão se conquista com obediência tática, algo a mais de cada um, garra, a movimentação de cada um e isso é que faz uma equipe vencer numa decisão e agora vamos focar nessa final, o título está em nossos pés, e adoçando a fala de Leão falta a cereja do bolo para que isso se transforme em realidade”. Brincou, Givanildo.

Arbitragem: Arbitro Central (Marcel Felipe), Assistente 1 (Emerson Fontes), Assistente – 2, (Rafael Nunes) e 4º arbitro (Eloani Gonçalves). Delegado da FSF: José Luiz.

Escala / Olímpico de Itabaianinha: Adilson, Aldry, Lelo, Wellerson, Piaú, Júnior, Carlinhos Arauá, Dinda, Válber, Capela, Fabinho Cambalhota. Suplentes: Leão Júnior, Cláudio Baiano, Augusto, Brinquinho, Cambaú, Funchal, Felipe, Iran, Eduardo, Fabiano e Alefy.

Técnico: Edilson Santos

Escala / Socorrense: Jonatans, Rony, Wilton, Ladson, Lucas Rocha, Muribeca, Alisson, Acácio, Bruno, Bruninho e Joelton. Suplentes: Jean, Cardozo, Monteiro, Paiva, Williames, Dinho, Rodrigo e Talles.

Técnico: Givanildo Sales

Público Pagante: 850

Público Geral: 970

Renda Total R$ 8.500,00

 

Por: Sergipe Repórter / Itabaianinha (Fotos: Samyra Magalhaes e Washington Reis)

Posts relacionados

LEAVE A COMMENT

Make sure you enter the(*) required information where indicated. HTML code is not allowed

Theme Settings